16 de janeiro de 2011

Mais um evento nacional de educação aceita trabalho com RPG

O IXº Seminário Nacional de Políticas Educacionais e Currículo Expansão da Pós-Graduação em Educação e a Formação Axiológica dos Pesquisadores: Dimensões Ético-Político-Epistemológicas realizado em Belém no mês de dezembro de 2010, na UFPA – Universidade Federal do Pará - aceitou a apresentação de minhas pesquisas com nosso querido RPG.

O tema de meu artigo foi “Os Jogos de RPG e as Narrativas, Leituras, Pesquisas e Escritas dos Jovens em Belém”. Para explicar o trabalho precisei, mais uma vez, explicar como são os RPGs e para isso simulei uma partida com as pessoas presentes no local, composta por graduandos, mestrandos, doutorandos e até uma doutora, que ficou bastante interessada, já que o doutorado dela trata de narrativas também.

Gilson

4 comentários:

Tiarles M. Rodeghiero disse...

Ah, mas esse RPG não é aquele jogo do demônio que enlouquece os jovens e faz eles cometerem crimes macabros???

Deusulivre!!!

Hahahauahauahaua

Não me surpreende que o RPG interesse até os doutores. Nosso hobby é fantástico, a mídia que não é amiga dele. Aqui no Brasil deveríamos dizer 'Jogo de Faz-de-Conta' e chamar 'Mestre' de 'Narrador'; daí que eles vão entender que 'mestre' deriva de 'Dungeon Master'... Eles ouvem 'mestre' e já pensam em seita! Ainda mais que a maioria dos membros da seita prefere "jogar" durante a noite, cruz-credo!

Toda sorte para você e sua pesquisa, cara!

Gilson disse...

Muito obrigado!

Gilson

Matheus disse...

Não está na hora de atualizar o blog não, Gilson-san?

Cadê o post do WRF 2011???

Abraços!

Gilson Rocha disse...

Calma, pequeno gafanhoto. O caminho é longo, mas a estrada é lenta.

Pilhas, pilhas, pilhas!

Abraço!

Gilson